SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 issue3Perceptions of pregnant and postpartum women's feelings about preeclampsiaTuberculosis control and the private sector in a low incidence setting in Argentina author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Salud Pública

Print version ISSN 0124-0064

Abstract

MENEZES-CABRAL, Roberto Luiz; SILVA-DANTAS, Paulo Moreira; MONTENEGRO-NETO, Asdrúbal Nóbrega  and  KNACKFUSS, Maria Irany. Efeitos de Diferentes Treinamentos e Estilos de Vida nos Indicadores Antropométricos e Cardiocirculatórios no Envelhecimento. Rev. salud pública [online]. 2009, vol.11, n.3, pp. 359-369. ISSN 0124-0064.  http://dx.doi.org/10.1590/S0124-00642009000300005.

Objetivo O presente estudo, de caráter experimental, pretende comparar os efeitos de diferentes formas de treinamento e estilo de vida sobre os indicadores hemodinâmicos, capacidade cardíaca, relação cintura quadril e índice de massa corporal, em adultos velhos de ambos os sexos entre 60 e 69 anos de idade. Materiais e Métodos As amostras utilizaram adultos velhos de 60 a 69 anos de ambos os sexos: masculino N=159 e feminino N=157, divididos em três grupos: experimental 1, n=53 (masculino) e n=51 (feminino) atividade endurance cardio-respitatório; experimental 2, n=53 (masculino) e n=53 (feminino) atividade musculação com séries de Resistência Muscular Localizada (RML); controle n=53 (masculino) e n=53 (feminino) não praticantes de atividade física considerados sedentários. As variáveis investigadas foram Índice de Massa Corporal (IMC) e Relação Cintura Quadril (RCQ), Freqüência Cardíaca de Repouso (FCrep), Pressão Arterial Sistólica (PAS), Pressão Arterial Diastólica (PAD), Pressão Arterial Média (PAM) e Duplo Produto (DP). As estatísticas utilizadas foram a descritiva e a inferencial a comparação intra e entre grupos. Os dados coletados neste estudo e o teste de hipótese demonstram os benefícios da atividade física, nos parâmetros escolhidos para observação. Resultados Foi demonstrada a existência de uma diferença significativa (p<0.05) nas variáveis estudadas. Conclusões Há necessidade da aderência à atividade física de amplo espectro nas idades mais avançadas.

Keywords : Cuidados de saúde; exercício; estilo de vida.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese