SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue6Relative frequency of esophageal squamous carcinoma and adenocarcinoma in a series of endoscopic biopsies performed in Rosario, ArgentinaPrevalence of mild serum vitamin B12 deficiency in rural and urban Costa Rican young adults author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Panamericana de Salud Pública

Print version ISSN 1020-4989

Abstract

ALMEIDA, Stella Pereira; BIZETO, Juliana  and  SILVA, Maria Teresa Araujo. Análise de comentários espontâneos elaborados por usuários de ecstasy em pesquisa on-line. Rev Panam Salud Publica [online]. 2007, vol.22, n.6, pp. 389-395. ISSN 1020-4989.  http://dx.doi.org/10.1590/S1020-49892007001100004.

OBJETIVO: Analisar o conteúdo dos comentários enviados espontaneamente por usuários de ecstasy que responderam a um questionário on-line correspondente à primeira etapa de um projeto de redução de danos (projeto Baladaboa) para usuários dessa droga. MÉTODO: Dos 1 140 indivíduos que responderam o questionário, 412 enviaram comentários. Os comentários foram segmentados em cinco categorias (irrelevante, drogas, depoimentos, questionário e projeto) e submetidos à análise de conteúdo. A categoria "irrelevante" incluiu saudações, comentários irreverentes e manifestações ideológicas. A categoria "drogas" incluiu considerações sobre as causas, os efeitos e as conseqüências do uso de ecstasy ou de outras drogas, solicitações de esclarecimentos sobre a droga ou comentários que apontavam a informação como uma questão fundamental relacionada a seu uso. A categoria "depoimentos" incluiu comentários acerca de vivências pessoais. A categoria "questionário" incluiu comentários sobre o questionário propriamente dito, a formulação das questões, o uso de certos critérios e a solicitação de acesso aos resultados da pesquisa. A categoria "projeto" incluiu comentários relativos ao projeto Baladaboa. RESULTADOS: Identificaram-se 915 segmentos nos 412 comentários. A porcentagem de segmentos classificados em cada categoria foi: irrelevante, 9,8%; drogas, 16,4%; depoimentos, 18,1%; questionário, 25,1%; e projeto, 30,6%. A maior parte dos comentários foi positiva em relação ao questionário e ao projeto. CONCLUSÕES: A quantidade e o teor dos comentários espontaneamente enviados indicaram expressiva receptividade ao projeto e aprovação da estratégia de redução de danos pelo público- alvo. O envolvimento dos participantes pôde ser observado em todos os comentários, sugerindo que a continuidade do projeto é urgente e oportuna.

Keywords : N-metil-3; 4-metilenodioxianfetamina; psicotrópicos; redução do dano; Brasil.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese