SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 issue2Workshops on prevention for adolescents in a health service unit: a space for reflection and shared knowledgeWhere are the contracts? Analysis of the relation between private health services suppliers and the SUS author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência & Saúde Coletiva

On-line version ISSN 1678-4561Print version ISSN 1413-8123

Abstract

CAMPOS, Célia Maria Sivalli  and  SOARES, Cássia Baldini. A produção de serviços de saúde mental: a concepção de trabalhadores. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2003, vol.8, n.2, pp.621-628. ISSN 1678-4561.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232003000200022.

Este artigo trata da produção de serviços de saúde mental. O objetivo foi descrever as concepções de serviços de saúde mental de trabalhadores de diferentes serviços de saúde mental do município de São Paulo, que fizeram o curso de especialização em tecnologias em saúde mental. No âmbito hospitalar, ambulatorial e da unidade básica de saúde, a concepção de saúde-doença é multifatorial e centrada no indivíduo. Já no centro de atenção em saúde mental (CAPS), a concepção aproximou-se da teoria da determinação social. Quanto ao processo de trabalho, o objeto recortado foi predominantemente o indivíduo doente e até mesmo o sintoma da doença, distinguindo-se no CAPS uma concepção que relaciona o usuário à sua "rede social". O desafio é avançar o entendimento da concepção do processo saúde-doença e redefinir processos de trabalho, pautados no âmbito dos determinantes e não somente no dos resultados do processo saúde-doença.

Keywords : Produção de serviços de saúde; Modelo de atenção; Saúde mental; Saúde coletiva.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )