SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 suppl.2Perceptions of veterinary medicine students about acting in the public health area: a study based on Fleck's idea of "thought style"Palliative care: interfaces, conflicts and necessities author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

FLEURY-TEIXEIRA, Paulo et al. Autonomia como categoria central no conceito de promoção de saúde. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2008, vol.13, suppl.2, pp. 2115-2122. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232008000900016.

Este artigo expõe os conceitos centrais do estudo de múltiplos casos: "Promoção de Saúde na Atenção Básica". O estudo foi conduzido pelo Nescon-UFMG em 2005 em doze experiências de promoção da saúde realizadas por equipes do Programa de Saúde da Família (PSF) em diversas regiões do Brasil. Após revisão teórica e pesquisa de campo, a definição de promoção da saúde adotada foi a atuação para a melhoria da saúde, anterior e independente a qualquer patologia ou agravo, ampliando-se o controle das pessoas sobre a própria saúde. Também concluímos que a ampliação da autonomia, vista como ampliação das capacidades e possibilidades de escolha das pessoas, é a categoria central e o critério definidor da atuação em promoção de saúde.

Keywords : Promoção de saúde; Autonomia; Atenção básica.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese