SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 suppl.2Health surveillance in a city in the south of Brazil: implantation of the descentralization and effectiveness of the actionsThe onset of sexual activity in male adolescents author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

RIBEIRO, Carlos Dimas Martins  and  REGO, Sergio. Bioética clínica: contribuições para a tomada de decisões em unidades de terapia intensiva neonatais. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2008, vol.13, suppl.2, pp. 2239-2246. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232008000900028.

O artigo oferece uma reflexão sobre a tomada de decisão nas UTI neonatais levando-se em conta o princípio da justiça distributiva, tendo como referenciais teóricos complementares a bioética de proteção, elaborada por Schramm e Kottow, e a teoria das capacidades ("capability"), formulada por Nussbaum e Sen. Em um primeiro momento, apresenta-se a abordagem das capacidades e a bioética de proteção, caracterizando-se, dentro da concepção de justiça sanitária adotada neste trabalho, quais são as necessidades essenciais dos cidadãos que o Estado tem o dever de satisfazer para que haja justiça. Em seguida, discute-se a questão de quem deve ser beneficiado na UTI neonatal - e de que maneira - com os recursos públicos disponíveis, considerando-se três grupos de recém-nascidos que, de forma geral, compõem a demanda pelo atendimento nestes serviços. Conclui-se que a decisão ética será também mais qualificada quanto melhor for a informação clínica que estiver disponível, sendo necessário desenvolver mais estudos que amparem a construção de evidências razoáveis, inclusive relativas ao prognóstico, para que se possa esclarecer de forma ainda mais apropriada às famílias envolvidas. E, especialmente, a importância de envolver os pais da criança na tomada de decisões clínicas.

Keywords : Bioética de proteção; Teoria das capacidades; Justiça sanitária; Bioética clínica; UTI neonatal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese