SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 suppl.1Family health: changing practices? A case study in the city of Natal (RN), BrazilChallenges to an interdisciplinary action in basic care: implications related to composition of family health teams author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

SILVA, Cheila Portela; DIAS, Maria Socorro de Araújo  and  RODRIGUES, Angelo Brito. Práxis educativa em saúde dos enfermeiros da Estratégia Saúde da Família. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2009, vol.14, suppl.1, pp. 1453-1462. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232009000800018.

Este estudo, de caráter qualitativo, teve como objetivo analisar a práxis educativa em saúde dos enfermeiros da Estratégia Saúde da Família de Sobral, Ceará. A coleta de dados foi realizada junto a dezesseis enfermeiros, através da realização de entrevistas semi-estruturadas e do emprego da observação. A hermenêutica-dialética foi adotada como referencial teórico-metodológico norteador. Pudemos inferir que, hegemonicamente, os processos educativos em saúde estão pautados em uma abordagem comportamental, de cunho eminentemente preventivo, cujas estratégias e recursos favorecem a unidirecionalidade e a não-dialogicidade do processo. Apesar disso, identificamos um movimento crítico-reflexivo entre os enfermeiros, no sentido de questionar a forma como estão estruturados e como são desenvolvidos os processos educativos. Ações contra-hegemônicas também foram evidenciadas, como a utilização de métodos educativos pautados nas necessidades e problemas reais da comunidade, cujos objetos de abordagem são construídos de forma horizontal, em parceria com a comunidade. Assim, os achados deste estudo apontam para uma tensão entre dois modelos educativos: o tradicional e o dialógico.

Keywords : Educação em saúde; Estratégia Saúde da Família; Enfermeiros.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese