SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3Social medical themes and the health intervention: violence against women in the professional's discourseCost per capita in outpatients by gender author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

BORTOLUZZI, Marcelo Carlos; KEHRIG, Ruth Terezinha; LOGUERCIO, Alessandro Dourado  and  TRAEBERT, Jefferson Luiz. Prevalência e perfil dos usuários de tabaco de população adulta em cidade do Sul do Brasil (Joaçaba, SC). Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, n.3, pp. 1953-1959. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000300029.

O tabagismo tem sido apontado como uma epidemia, e a prevenção ao hábito é indicada como prioridade máxima para a saúde pública das nações. Este é um estudo do tipo observacional e transversal envolvendo uma amostra representativa da população adulta de município do sul do Brasil com o intuito de conhecer a prevalência do consumo do tabaco e o perfil do tabagista. A prevalência de fumantes foi de 17,3%, sendo que o sexo feminino representou 54,9% da amostra. Neste estudo, o tabagismo ocorreu predominantemente em pessoas com idade superior a 39 anos (p<0,001), com escolaridade de até oito anos de estudo (p<0,001), com índices de depressão verificados pelo Inventário de Beck para Depressão considerados como moderado ou grave (p=0,001) e com baixa renda familiar (p<0,029). O município apresenta alta prevalência de consumo de tabaco, que afeta, predominantemente, a população acima de 39 anos de idade, com menor renda e com menor escolaridade. Este estudo evidencia ainda uma associação entre depressão moderada a severa e o hábito do tabagismo.

Keywords : Tabagismo; Prevalência; Tabaco; Tabagismo [epidemiologia]; Depressão.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese