SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue6Primary Healthcare Reform in Portugal on two fronts: autonomous family healthcare units and management of groupings of Health CentersPrimary Healthcare in Paraguay: overview and prospects author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

ROCHA, Paulo de Medeiros  and  SA, Armando Brito de. Reforma da Saúde Familiar em Portugal: avaliação da implantação. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, n.6, pp. 2853-2863. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000600023.

Os cuidados de saúde primários de Portugal estão em processo de reforma, sendo as Unidades de Saúde Familiar (USF) uma das principais marcas desse processo. Este estudo teve como objectivo avaliar o processo de implantação das USF a partir de 2006. Utilizou-se metodologia de análise de implantação na mesma área de atenção primária em saúde de um estudo anterior no Brasil. Na análise foram empregadas as dimensões do cuidado integral, da organização dos cuidados e político-institucional. Evidenciaram-se como avanços principais a acessibilidade, trabalho em equipe, qualidade (técnico-científica) dos cuidados, inovações nas práticas de gestão, na sustentabilidade (condições de trabalho) e infraestrutura. Principais desafios: integração com especialidades hospitalares, indefinições político-institucionais, sistemas informatizados, integração nos centros de saúde e organização do processo de trabalho. Estes dados poderão vir a informar os decisores de gestão sobre correções a efetuar no processo de reforma. 

Keywords : Avaliação de processos [cuidados de saúde]; Saúde da Família; Cuidados primários; Gestão em saúde; Reforma em saúde .

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese