SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 suppl.1Ethical issues in a market dispute between clinical laboratories and a health plan: case reportArt in the inclusion of children with special needs in dentistry author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

PIRES, Jansen Ribeiro  and  GARRAFA, Volnei. Educação: nova fronteira da bioética. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, suppl.1, pp. 735-745. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000700004.

Este estudo analisa a opinião de professores quanto à introdução de conteúdo sobre bioética no currículo do ensino médio. Foram selecionadas seis escolas: três públicas e três particulares da principal região administrativa de Brasília. De um universo de 340 professores, 150 aderiram à pesquisa. Foi apresentado um questionário com alternativas versando sobre a existência ou não de conteúdo relacionado com a construção de valores nos estudantes. O segundo momento contou com 140 dos professores que participaram da primeira fase. Foi-lhes entregue um texto que resumia o que era a bioética. Ao final, havia um espaço à pergunta se uma nova disciplina de bioética preencheria a lacuna curricular na formação de valores e atitudes éticas nos estudantes. A análise dos dados demonstrou que: (a) a escola não tem cumprido a função de instrumentar a formação da consciência ética; (b) na opinião dos docentes, isto vem acontecendo em razão da inexistência de uma disciplina que se responsabilize pela abordagem destas questões; (c) 51% dos entrevistados se posicionaram a favor da introdução de uma disciplina que trate da bioética na estrutura curricular do ensino médio, por acreditarem que ela poderia contribuir à construção de valores morais e atitudes afirmativas dos estudantes.

Keywords : Ensino médio; Valores e atitudes; Estrutura educacional; Conteúdo curricular; Bioética.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese