SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 suppl.1The meanings of working in intensive care unities of two Brazilian hospitalsHumanization health at emergency service in a public hospital: comparison on social representation of professional before and after training author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

ARAUJO, Patrícia Taveira de Brito  and  UCHOA, Severina Alice Costa. Avaliação da qualidade da prescrição de medicamentos de um hospital de ensino. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, suppl.1, pp. 1107-1114. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000700042.

Os erros provenientes das prescrições médicas podem provocar sérios danos à saúde dos pacientes; por isso, é imprescindível que sejam identificados e prevenidos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença dos requisitos legais e institucionais da prescrição médica de um hospital pediátrico público de ensino, a fim de se obter um diagnóstico da situação, para então serem aplicadas as medidas corretivas. A partir da autorização do comitê de pesquisa, foi feito um estudo observacional do tipo transversal, quantitativo, no qual foram analisadas, durante três meses, todas as segundas vias das prescrições dos pacientes hospitalizados. Foram analisadas 1.590 prescrições, cada uma tendo em média 4,47 medicamentos, e obtiveram-se os seguintes dados: quanto à legibilidade, 32,39% das prescrições eram pouco legíveis, 49,81% continham medicamentos prescritos por nome comercial, 5,25% dos medicamentos prescritos não eram padronizados. A qualidade da prescrição do hospital em estudo precisa ser melhorada, a fim de que sejam evitados erros de medicação e o processo de assistência à saúde se torne mais seguro. A falta de clareza nas prescrições pode confundir os profissionais de saúde e causar danos ao paciente.

Keywords : Prescrição; Erros de medicação; Legibilidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese