SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 suppl.1National poison information system: the challenge of the data standardizationBrazilian live birth information system: a review study author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

PASCHOAL, Vânia Del Arco et al. Criação de banco de dados para sustentação da pós-eliminação em hanseníase. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, suppl.1, pp. 1201-1210. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000700052.

São José do Rio Preto atingiu o parâmetro da Organização Mundial de Saúde de eliminação da hanseníase como problema de saúde pública em 2006, com prevalência de 0,79/10.000 habitantes. Para garantir informações fidedignas que permitam medidas gerenciais e manutenção deste quadro, o objetivo do estudo foi criar um banco de dados da hanseníase do município, no período de 1998 a 2006. Utilizou-se protocolo para coleta de dados de 74 variáveis clínico-epidemiológicas encontradas em fontes primárias e secundárias. Iniciou-se o trabalho com 442 casos existentes nas informações de dados do programa de controle do município; destes, 168 foram excluídos e 85 inseridos; 24 não haviam sido notificados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN). As 74 variáveis coletadas possibilitarão estudo posterior de temas, como o perfil epidemiológico, controle de comunicantes, reações, deficiências, entre outros. As dificuldades encontradas na elaboração do banco foram em relação à decodificação de dados dos prontuários e inconsistências nas anotações do SINAN. Os erros no registro dos dados ocorrem com frequência, debilitando informações e dificultando o planejamento das ações na área, fatores importantes para qualidade do atendimento e sustentação da eliminação da hanseníase.

Keywords : Hanseníase; Epidemiologia; Eliminação; Prevenção e controle; Organização e administração.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese