SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 suppl.1Culture and empowerment: health promotion and Aids prevention among prostitutes in Rio de JaneiroRelation doctor-patient in oncology: fears, anguishes and communication abilities among doctors in Fortaleza, Ceará State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

OSORIO-DE-CASTRO, Claudia Garcia Serpa et al. Conhecimentos, práticas e percepções de profissionais de saúde sobre o tratamento de malária não complicada em municípios de alto risco da Amazônia Legal. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, suppl.1, pp. 1445-1456. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000700080.

O controle da malária no Brasil conta com diagnóstico precoce e tratamento adequado e oportuno como estratégia para cura rápida e duradoura. Consequências clínicas e resistência aos antimaláricos podem resultar de falhas na prescrição, dispensação e aceitação dos profissionais aos esquemas terapêuticos propostos. Objetivou-se avaliar conhecimentos, práticas, percepções e atitudes de profissionais envolvidos na assistência farmacêutica à malária, frente ao protocolo oficial e a possíveis falhas na terapêutica. Entrevistaram-se profissionais em seis municípios na Amazônia Legal. Utilizou-se técnica de análise do discurso para determinação de categorias analíticas e sistematização. Dos 63 entrevistados, houve apenas um médico. Os demais, de nível médio, atuavam no diagnóstico, indicação e dispensação do tratamento antimalárico. O tempo de formação e de treinamento foi variável. Houve falhas na adesão ao protocolo nacional, perpassando indicação, dispensação e orientação aos pacientes. Os profissionais carecem de conhecimento para lidar com as especificidades da doença e do tratamento. A responsabilização de profissionais que não possuem o preparo necessário para a atenção sugere necessidade de políticas para a adequada capacitação e incorporação de recursos humanos.

Keywords : Malária; Antimaláricos; Assistência farmacêutica; Profissionais de saúde; Amazônia Legal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese