SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue12Mental health in primary care: an evaluative study in a large Brazilian cityReflections on drug policies in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

SILVA, Paulo Fagundes da  and  COSTA, Nilson do Rosário. Saúde mental e os planos de saúde no Brasil. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, n.12, pp. 4653-4664. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011001300014.

O artigo analisa o regime de regulação da assistência à saúde mental implantado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar. Descreve as condições observadas entre a provisão de serviços de saúde mental no setor de planos privados de assistência à saúde em relação à experiência internacional e ao Sistema Único de Saúde (SUS). O artigo demonstra que a assistência à saúde mental do setor apresenta as falhas associadas ao mercado de seguro saúde. As empresas de planos de saúde adotam mecanismos de copagamento, estabelecem limites de utilização para consultas ambulatoriais, enfatizam o tratamento dos casos graves por internação hospitalar de curta duração e oferecem residualmente serviços de suporte ao paciente após a alta. Existem evidências de um descompasso entre o processo de desinstitucionalização em curso no SUS e a regulação implantada pela ANS. Em fins da década de 2000, foi observada a expansão da quantidade das internações psiquiátricas que resultaram em taxas elevadas de admissão se comparadas ao setor público no Brasil.

Keywords : Saúde mental; Seguros de saúde; Planos de Saúde Pré-pagos; Reforma Psiquiátrica.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese