SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue12Public health, harm reduction and the prevention of blood-borne and sexually transmitted infections: a review of the core concepts and their implementation in BrazilAlcohol consumption among high school students in the municipality of Passos - MG author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

HARTOG, Jeroen Johan de; BOOGAARD, Hanna; NIJLAND, Hans  and  HOEK, Gerard. Os benefícios à saúde em andar de bicicleta superam os riscos?. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2011, vol.16, n.12, pp. 4731-4744. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011001300022.

Embora uma mudança do uso de carro para bicicleta possa trazer efeitos benéficos para a saúde devido à diminuição da poluição do ar e a um aumento da atividade física, esta mudança também pode trazer efeitos adversos à saúde como exposição à poluição e risco de acidentes de trânsito, os quais podem superar os benefícios. Nós resumimos a literatura sobre poluição do ar, acidentes de trânsito e atividade física, utilizando revisões sistemáticas suplementadas com estudos recentes. Quantificamos também o impacto na causa de mortalidade se 500 mil pessoas fizessem a transição de carro para bicicleta em viagens curtas diárias na Holanda. Estimamos que os efeitos benéficos do aumento da atividade física são substancialmente maiores do que o efeito potencial da mortalidade por inalação de ar poluído e aumento de acidentes de trânsito. Os benefícios sociais são ainda maiores devido a uma modesta redução na poluição do ar e nos acidentes de trânsito. Em média, os benefícios de saúde devido ao uso da bicicleta são substancialmente maiores do que os riscos relativos a dirigir um carro para pessoas em transição do modo de transporte.

Keywords : Poluição do ar; Bicicleta; Mudança; Atividade física; Acidentes de trânsito.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English