SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue1Awareness about Aids among elderly males and young adults: a study of the perception of this diseaseProfile of mortality by intoxication with medication in Brazil, 1996-2005: portrait of a decade author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

SALES-PERES, Sílvia Helena de Carvalho et al. Manifestações orais em crianças HIV, em Moçambique. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2012, vol.17, n.1, pp. 55-60. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000100008.

O objetivo deste estudo foi identificar a prevalência das manifestações bucais em pacientes HIV+/SIDA do Hospital Pediátrico DIA de Maputo. Foram incluídos 90 pacientes na pesquisa. Cárie dentária (índice ceod/CPOD), mucosa e fluxo salivar foram avaliados. Informações sobre alimentação e hábitos de higiene bucal foram obtidas por meio de um questionário. Para a análise estatística foram utilizados os testes t-student e qui-quadrado. A lesão oral mais frequente foi a candidíase (5,5%) e no exame extra-oral foi observada uma prevalência de alargamento da parótida de 23%. A média do ceod foi 2,6 (± 3,6) dentes, consideravelmente alta em relação ao CPOD que foi de 0,6 (±1,6) dentes, sendo esta diferença estatisticamente significante (p<0,05). A ocorrência de lesões na mucosa bucal foi maior em crianças que não faziam uso da terapia antiretroviral (TRA). O uso da TRA esteve associado com a redução da prevalência de lesões bucais em pacientes HIV+, contudo cáries rampantes foram maiores neste grupo. Pacientes HIV+ mostraram maior risco de cáries na dentadura decídua.

Keywords : Moçambique; Manifestações bucais; Infecções por HIV; Pediatria.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English