SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.3 issue1-3Nutritional gains of underprivileged children attending a day care center in S.Paulo City, Brazil: a nine month follow-up studyViolent mortality in S. Paulo city: the last 40 years author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

GONDIM, Rogério C.  and  KERR-PONTES, Lígia R. S.. Homo/bissexualidade masculina: um estudo sobre práticas sexuais desprotegidas em Fortaleza. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2000, vol.3, n.1-3, pp. 38-49. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2000000100005.

Estudo transversal realizado junto a 400 homens de prática homo/bissexual onde se buscou analisar fatores relacionados ao envolvimento em relações sexuais desprotegidas, entre homo/bissexuais masculinos de Fortaleza (CE), no período de maio a agosto de 1995. Os dados foram coletados através de questionário semi-estruturado, aplicado por 10 entrevistadores. Os entrevistados foram agrupados em 5 classes sociais e 4 faixas etárias. Foi realizada uma análise univariada entre a variável dependente (envolvimento com Relações Sexuais Desprotegidas - RSD) e os fatores predisponentes a estas, através de teste exato de Fischer. Dentre estes fatores, aqueles que se mostraram significativos foram incluídos na análise multivariada, através de regressão logística. Quarenta e sete por cento dos entrevistados se envolveram com relações sexuais desprotegidas (RSD) e os fatores relacionados a este envolvimento foram: não possuir informações básicas sobre transmissão do HIV/AIDS, ter tido uma freqüência de relação sexual com outro homem maior ou igual a 1 vez no mês nos últimos 12 meses, ter tido 1 ou mais contatos sexuais com mulheres nos últimos 12 meses, sentir se muito excitado com sexo desprotegido, mostrar atitudes negativas em relação ao Sexo Mais Seguro, não conhecer alguém com AIDS e a não participação em organizações homossexuais. Um contingente ainda grande de homens com prática homo/bissexual se envolve em práticas de risco, necessitando de um aumento do nível de informação, erotização de outras práticas de menor risco e o fortalecimento das relações sociais visando efetivar os programas de prevenção do HIV/AIDS junto a esta população.

Keywords : Síndrome de imunodeficiência adquirida; HIV; Homossexualidade masculina; Fatores de risco; Comportamento sexual.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese