SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.4 issue2Factors associated to physical exercise in adults and elderly volunteer men living in S. Paulo, BrazilUsing the International Classification of Diseases in health surveys author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

SILVA, Olga M. P.  and  LEBRAO, Maria Lúcia. Comparando a Classificação Internacional de Doenças em Odontologia e Estomatologia (CID-OE) com a Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID-10). Rev. bras. epidemiol. [online]. 2001, vol.4, n.2, pp. 114-119. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2001000200006.

INTRODUÇÃO: Nos estudos epidemiológicos de morbidade é necessário se adotar um sistema de classificação de doenças. Na odontologia e nos traumatismos buco-maxilo-faciais pode-se usar a Classificação Internacional de Doenças em Estomatologia e Odontologia (CID-OE) mas, em alguns casos, esta classificação não é adequada. O objetivo deste estudo é comparar a aplicação da CID-OE com a aplicação da CID-10 na classificação de diagnósticos da área. MATERIAL E MÉTODOS: Foram analisados 2.372 casos atendidos em serviços de traumatismos buco-maxilo-faciais e emergências dentais no Município de São Paulo, Brasil, onde os diagnósticos encontrados foram codificados por ambas as classificações. RESULTADOS: A CID-OE especificou melhor 1.117 casos mas, em 267, não ofereceu possibilidade de codificação. Em 978 casos, o detalhamento dado pela codificação foi o mesmo em ambas as classificações.

Keywords : Traumatismos maxilofaciais; Assistência odontológica; Inquéritos de morbidade; Classificação internacional de doenças; Unidade Hospitalar de Odontologia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese