SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue2Mapping of hospitalizations due to respiratory problems and possible associations to human exposure to burnt sugar-cane straw products in the state of São PauloProposal and critical analysis of a sanitary inspection protocol and the sanitary status of grocery stores in Ibiúna- SP author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

GIROTTO, Edmarlon  and  SILVA, Poliana Vieira da. A prescrição de medicamentos em um município do Norte do Paraná. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2006, vol.9, n.2, pp. 226-234. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2006000200009.

INTRODUÇÃO: No setor saúde, os medicamentos representam um instrumento essencial para a capacidade resolutiva dos serviços prestados. Neste processo, dá-se grande importância à política de medicamentos, que regulamenta um dos maiores gastos nos serviços públicos de saúde, em especial os medicamentos essenciais, que são aqueles considerados indispensáveis para atender a maior parte da população assistida pelo Sistema Único de Saúde, e que são distribuídos gratuitamente. OBJETIVO: Identificar os indicadores de prescrição do município de Ibiporã, PR. METODOLOGIA: Para tal, foram recolhidas 3.119 prescrições médicas de Clínica Geral, Pediatria e Ginecologia do município. A partir destas receitas, foram calculados os indicadores de prescrição propostos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e os medicamentos prescritos foram classificados obedecendo à classificação da Anatomical Therapeutic Chemical, também da OMS. RESULTADOS: No município de Ibiporã, PR, são prescritos, em média, dois medicamentos por receita médica. Do total de medicamentos prescritos, 70,2% são prescritos por seus nomes genéricos. Em 22,0% das prescrições foi encontrada a indicação de antibióticos. Houve prescrição de injetáveis em 7,0% das receitas médicas. Em relação à lista municipal de medicamentos, 58,4% dos medicamentos fazem parte desta lista. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Tais resultados sugerem dificuldades na implantação de uma política de medicamentos essenciais. Neste contexto, estes indicadores podem contribuir para a formulação de políticas voltadas para a reorientação dos serviços farmacêuticos, promovendo a melhoria do acesso e o uso racional dos medicamentos.

Keywords : Medicamentos; Atenção Básica; Indicadores de prescrição; Serviços de saúde.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese