SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue1Prevalence of oral cleft in Campos dos Goytacazes-RJ, 1999-2004 author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

PALMA, Alexandre; ABREU, Raquel Azeredo  and  CUNHA, Cristina de Almeida. Comportamentos de risco e vulnerabilidade entre estudantes de Educação Física. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2007, vol.10, n.1, pp. 117-126. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2007000100013.

O objetivo do presente estudo foi identificar a prevalência de comportamentos associados à ocorrência de doenças ou agravos à saúde em alunos de Educação Física. Para tanto, adotou-se uma pesquisa de levantamento (survey) com 448 estudantes de ambos os sexos. O instrumento envolveu questões sobre prática de exercícios físicos, uso de preservativos, uso de drogas e horas de sono. Os principais resultados foram: a) a taxa de indivíduos que não praticam exercícios regularmente é baixa quando comparada às taxas da população em geral; b) o valor médio para o esforço físico no trabalho é caracterizado como "um pouco intenso" na escala de Borg; c) do total de informantes que trabalhavam, 39,4% relataram dores associadas à ocupação profissional; d) 58,7% informaram não fazer uso regular de preservativos na relação sexual; e) o álcool é a droga mais utilizada e há um grande uso de cigarro e maconha; e f) 19,2% dos estudantes fazem ou já fizeram uso de anabolizantes na vida. Conclui-se, então, que um número importante de alunos de educação física, a despeito do discurso vigente na área, que reforça a importância de um estilo de vida considerado saudável, adota comportamentos que não necessariamente se coadunam com esta idéia.

Keywords : Comportamento de risco; Vulnerabilidade; Atividade física; Drogas; Preservativo; Estudantes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese