SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 issue4Profiles of early neonatal deaths: a study for a Public Maternity Hospital of Belo Horizonte (MG), 2001 - 2006Systematic review of spatial analysis studies on dengue in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

CAPUANO, Divani Maria; LAZZARINI, Mônica P. Trentin; GIACOMETTI JUNIOR, Eugênio  and  TAKAYANAGUI, Osvaldo Massaiti. Enteroparasitoses em manipuladores de alimentos do município de Ribeirão Preto - SP, Brasil, 2000. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2008, vol.11, n.4, pp.687-695. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2008000400015.

INTRODUÇÃO: A segurança alimentar vêm adquirindo mundialmente uma importância crescente. As doenças transmitidas por alimentos (DTAS) têm impactos na saúde pública e socioeconômicos, acarretando custos hospitalares em tratamentos e internações. As pessoas envolvidas na produção de alimentos podem ser portadoras de enteroparasitos e vir a contaminar os alimentos, provocando surtos de origem alimentar. OBJETIVOS: Investigar a presença de enteroparasitoses em manipuladores de alimentos do município de Ribeirão Preto, SP, propondo medidas que assegurem a qualidade sanitária dos alimentos. MÉTODOS: Entre julho a dezembro de 2000, 429 manipuladores de alimentos (248 mulheres e 181 homens), com idades entre 16 e 77 anos, foram submetidos ao exame coproparasitológico por ocasião da obtenção ou renovação da carteira de saúde. As amostras de fezes foram examinadas pelos métodos de Kato e da sedimentação espontânea. A pesquisa de oocistos de Cryptosporidium spp foi realizada em 7,0% das amostras de fezes diarréicas através da técnica de concentração pelo formol-éter. RESULTADOS: Foram encontradas enteroparasitoses em 33,1% dos manipuladores, incluindo 20,0% de casos de poliparasitismo. Prevalências mais altas de infecções ocorreram entre os indivíduos envolvidos com atividades de manipulação direta dos alimentos (68%). CONCLUSÕES: Considerando os resultados obtidos, são necessários a educação sanitária e o treinamento dos manipuladores bem como a implementação da metodologia da Análise dos Perigos e Pontos Críticos de Controle (APPCC) em todas as etapas da cadeia de produção dos alimentos, para garantir produtos alimentícios seguros aos consumidores.

Keywords : Segurança alimentar; Manipuladores de alimentos; Enteroparasitoses; Contaminação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )