SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue4Epidemiological characterization of varicella cases in patients of a university hospital located in Recife author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

ALBUQUERQUE, Maria de Fátima Pessoa Militão de et al. Fatores de risco associados com o óbito em pacientes que iniciam o tratamento para a tuberculose após dois diferentes períodos de seguimento. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2009, vol.12, n.4, pp. 513-522. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2009000400001.

INTRODUÇÃO: A mortalidade por tuberculose, que deveria ser um evento raro, ainda acomete uma grande parcela da população dos países em desenvolvimento. Nesse contexto, Recife, situada no Nordeste do Brasil, tem uma das mais altas taxas de mortalidade das capitais brasileiras. OBJETIVO: Analisar a probabilidade de sobrevida e identificar os fatores de risco para o óbito por tuberculose numa coorte de pacientes que iniciaram o tratamento na cidade do Recife. METODOLOGIA: Uma coorte de pacientes com tuberculose recém-diagnosticada foi acompanhada a partir do início do tratamento (2001-2003) até junho de 2007. A probabilidade de sobrevida foi calculada através do Kaplan-Meier e realizou-se a análise de regressão de Cox para a identificação dos fatores de risco para o óbito. RESULTADOS: A probabilidade de sobrevida após o início do tratamento ao final do período de seguimento foi de 95,9%. Idade mais avançada, sorologia positiva para HIV e demora em iniciar o tratamento estiveram estatisticamente associadas com o óbito por tuberculose em um ano de acompanhamento. Quando a análise foi realizada considerando o tempo total de acompanhamento, além das variáveis anteriores, encontramos também perda de peso no inicio do tratamento e história de tratamento prévio. CONCLUSÃO: A análise com maior período de seguimento e mais específica para mortes por tuberculose possibilitou a identificação de um maior número de fatores de risco, que não seriam detectados caso o seguimento tivesse ocorrido apenas até a alta do tratamento. Esses resultados podem guiar intervenções factíveis para os serviços de saúde visando reduzir a mortalidade por tuberculose.

Keywords : Tuberculose; Óbito; Coorte; Análise de sobrevida.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English