SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue10Traditional, complementary and alternative medicine and cancer care: an international analysis of grassroots integration author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Cad. Saúde Pública vol.24 n.10 Rio de Janeiro Oct. 2008

http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2008001000031 

RESENHAS BOOK REVIEWS

 

 

Regina Mara Fisberg

Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil. rfisberg@usp.br

 

 

EPIDEMIOLOGIA NUTRICIONAL. Kac G, Sichieri R, Gigante DP, organizadores. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz/Editora Atheneu; 2007. 580 pp.

ISBN: 978-85-7541-146-9

A investigação da dieta e seus componentes, sejam por deficiência ou excesso, constitui-se ainda um grande desafio. Para realização desta avaliação é necessário considerar também outros aspectos em relação ao estilo de vida, tais como: prática de atividade física, fumo, álcool, entre outros. A epidemiologia nutricional destaca a importância na utilização de metodologia adequada para avaliar a dieta, com instrumentos validados que possam investigar a associação entre dieta-doença. No contexto mundial os fatores nutricionais desempenham importante papel na morbi-mortalidade das doenças crônicas não-transmissíveis. O crescente aumento de doenças relacionadas a esses aspectos como a obesidade, hipertensão e diabetes, associado aos impactos das doenças cardiovasculares, exige um maior entendimento por parte dos profissionais da saúde das bases epidemiológicas destas situações.

O livro Epidemiologia Nutricional, lançamento recente da Editora Fiocruz/Editora Atheneu, organizado pelos professores Gilberto Kac, Rosely Sichieri & Denise Petrucci Gigante, com a colaboração de 54 professores do país, contribui com esse conhecimento devido à sua abrangência e descrição metodológica dos temas, bem como a apresentação dos problemas nutricionais mais importantes no nosso território.

Os autores apresentam na primeira parte os principais conceitos e métodos para o diagnóstico nutricional da população (avaliação antropométrica em diferentes estágios de vida, análise da composição corporal, métodos de inquérito alimentar, desenvolvimento de instrumentos de aferição epidemiológicos e análise de dados de medidas repetidas). Destacamos o avanço no aprimoramento das técnicas de mensuração da dieta e do estado nutricional da população, com discussão dos padrões de referência e utilização dos marcadores bioquímicos.

Esses aspectos podem ser complementados por informações sobre a análise das dietas, com ferramentas descritas no livro Inquéritos Alimentares: Métodos e Bases Científicas 1.

Na segunda parte descrevem os principais problemas nutricionais brasileiros das carências (desnutrição infantil, anemia ferropriva e hipovitaminose A) aos excessos (obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares, hipertensão arterial e síndrome metabólica); e finalmente, na terceira parte, tópicos especiais em epidemiologia nutricional (amamentação, transição nutricional, epidemiologia da atividade física, obesidade e saúde mental, segurança alimentar, alimentação e nutrição dos povos indígenas, políticas públicas de alimentação e nutrição).

O público-alvo, alunos de graduação e pós-graduação de nutrição e outros cursos da saúde, tem disponível o texto básico com os principais conceitos em epidemiologia nutricional de forma ampla, indicando caminhos para aprofundar os diferentes temas. O livro reúne pesquisadores na área de nutrição e epidemiologia com experiência nesta área do conhecimento, e que vêm colaborando para melhoria do estado nutricional da população.

 

1. Fisberg RM, Slater B, Marchioni DML, Martini LA. Inquéritos alimentares: métodos e bases científicas. São Paulo: Editora Manole; 2005.        [ Links ]