SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue4Chile: social protection in health author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista Panamericana de Salud Pública

Print version ISSN 1020-4989

Rev Panam Salud Publica vol.20 n.4 Washington Oct. 2006

http://dx.doi.org/10.1590/S1020-49892006000900014 

ANUNCIOS ANNOUNCEMENTS

 

 

Errata: Robilotta, "A tomografia por emissão de pósitrons: uma nova modalidade na medicina nuclear brasileira" (Rev Panam Salud Publica. 2006;20(2/3):134–42.)

 

 

Na página 141 da versão impressa foi omitida a seguinte nota, publicada corretamente na versão eletrônica disponível em http://journal.paho.org/uploads/1162234592.pdf:

2 Em fevereiro de 2006, o Congresso Nacional Brasileiro promulgou uma emenda constitucional que flexibilizou a produção de radionuclídeos de meia-vida curta, tornando possível a produção de nuclídeos como o flúor-18, o carbono-11 e o oxigênio-15 por instalações que não estejam subordinadas à CNEN, mas dentro das normas estabelecidas por ela. O número de equipamentos dedicados a estudos de PET, tomógrafos PET e PET/CT totaliza 12 em todo território nacional e tende a aumentar num futuro próximo, com a possibilidade de instalação de cíclotrons para a produção de FDG marcada com flúor-18.

A nota se refere à afirmação constante no topo da segunda coluna da página 141 de que só duas instituições no Brasil produzem o radiofármaco (18F) FDG, o Instituto de Pesquisa em Energia Nuclear em São Paulo e o Instituto de Engenharia Nuclear no Rio de Janeiro.