SciELO - Scientific Electronic Library Online

SciELO - Scientific Electronic Library Online

Article References

LIMA, Luciana Dias de; QUEIROZ, Lúcia F. N. de; MACHADO, Cristiani Vieira  and  VIANA, Ana Luiza d'Ávila. Descentralização e regionalização: dinâmica e condicionantes da implantação do Pacto pela Saúde no Brasil. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2012, vol.17, n.7, pp. 1903-1914. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000700030.

    1. Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil: promulgada em 5 de outubro de 1988. Brasília: Senado Federal; 1988. [ Links ]

    2. Brasil. Lei n. 8.080, de 19 de setembro de 1990. Diário Oficial da União 1990; 20 set. [ Links ]

    3. Melo AC. Crise federativa, guerra fiscal e "hobbesianismo municipal": efeitos perversos da descentralização? São Paulo Perspec 1996; 10(3):11-20. [ Links ]

    4. Ribeiro PT. A descentralização da ação governamental no Brasil dos anos noventa: desafios do ambiente político-institucional. Cien Saude Colet 2009; 13(3):819-828. [ Links ]

    5. Affonso R, Silva PLB, organizadores. A federação em perspectiva: ensaios seleccionados. São Paulo: Edições Fundap; 1995. [ Links ]

    6. Mendes EV. Uma Agenda para a Saúde. São Paulo: Editora Hucitec; 1999. [ Links ]

    7. Campos GWS. Efeitos paradoxais da descentralização do Sistema Único de Saúde do Brasil. In: Fleury S, organizadora. Democracia, descentralização e desenvolvimento: Brasil e Espanha. Rio de Janeiro: FGV; 2006. p. 417-442. [ Links ]

    8. Viana ALD, Ibañez N, Elias PEM, Lima LD, Albuquerque M, Iozzi FL. Novas perspectivas para a regionalização da saúde. São Paulo Perspec 2008; 22(1): 92-106. [ Links ]

    9. Viana ALD, Lima LD, Ferreira MP. Condicionantes estruturais da regionalização na saúde: tipologia dos Colegiados de Gestão Regional. Cien Saude Colet 2010; 15(5):2317-2326. [ Links ]

    10. Lijphart A. Modelos de democracia: desempenho e padrões de governo em 36 países. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira; 2003. [ Links ]

    11. Pierson P, Leibfried S. The dynamics of social policy integration. In: Leibfried S, Pierson P, editors. European social policy: between fragmentation and integration. Washington: The Brookings Institution; 1995. [ Links ]

    12. Arretche M. Federalismo e relações intergovernamentais no Brasil: a reforma de programas sociais. Dados 2002; 45(3):431-458. [ Links ]

    13. Abrucio FL. A coordenação federativa no Brasil: a experiência do período FHC e os desafios do governo Lula. Rev Sociol Polit 2005; 24:41-67. [ Links ]

    14. Viana ALD, Machado CV. Descentralização e coordenação federativa: a experiência brasileira na saúde. Cien Saude Colet 2009; 14(3):807-817. [ Links ]

    15. Machado CV. O modelo de intervenção do Ministério da Saúde nos anos 90. Cad Saude Publica 2007; 23(9):2113-2126. [ Links ]

    16. Levcovitz E, Lima LD, Machado CV. Política de saúde nos anos 90: relações intergovernamentais e papel das normas operacionais básicas. Cien Saude Colet 2001; 6(2):269-291. [ Links ]

    17. Viana ALD, Lima LD, Oliveira RG. Descentralização e federalismo: a política de saúde em novo contexto - lições do caso brasileiro. Cien Saude Colet 2002; 7(3):493-507. [ Links ]

    18. Brasil. Portaria GM/MS n.399, de 22 de fevereiro de 2006. Diário Oficial da União 2006; 23 fev. [ Links ]

    19. Brasil. Portaria GM/MS n.699, de 30 de março de 2006. Diário Oficial da União 2006; 03 abr. [ Links ]

    20. Brasil. Portaria GM/MS n. 204, de 29 de janeiro de 2007. Diário Oficial da União 2007; 31 jan. [ Links ]

    21. Brasil. Ministério da Saúde. Regionalização solidária e cooperativa: orientações para sua implementação no SUS. Brasília: Ministério da Saúde; 2006. (Série Pactos pela Saúde, v. 3) [ Links ]

    22. Brasil. Ministério da Saúde. Colegiado de Gestão Regional na região de saúde intra-estadual: orientações para organização e funcionamento. Brasília: Ministério da Saúde; 2009. (Série Pactos pela Saúde, v. 10) [ Links ]

    23. Souza C. Políticas públicas: uma revisão da literatura. Sociologias 2006; 8(16):20-45. [ Links ]

    24. Ham C, Hill M. The Policy Process in the Modern Capitalist State. Hertfordshire: Haverster Wheatsheaf; 1993. [ Links ]

    25. Thelen K, Steinmo S, editors. Structuring Politics. Historical Institucionalism in Comparative Analysis. Cambridge: Cambridge University Press; 1992. [ Links ]

    26. Hall P, Taylor RCR. As três versões do neo-institucionalismo. Lua Nova 2003; 58:193-223. [ Links ]

    27. Pierson P. Politics in time. Princeton: Princeton University Press; 2004. [ Links ]

    28. Deslandes SF, Gomes R. A pesquisa qualitativa nos serviços de saúde: notas teóricas. In: Bosi MLM, Mercado FJ, organizadores. Pesquisa qualitativa de serviços de saúde. Rio de Janeiro: Editora Vozes; 2004. p. 99-120. [ Links ]

    29. Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: Editora Hucitec; 2006. [ Links ]

    30. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria Técnica da Comissão Intergestores Tripartite. Brasília: MS; 2010 [Dados não publicados] [ Links ]

    31. Brasil. Ministério da Saúde. Departamento de Apoio à Gestão Descentralizada - DAGD/SE. Brasília: MS; 2010. [Dados não publicados] [ Links ]

    32. Machado CV, Baptista TWF, Lima LD. O planejamento nacional da política de saúde no Brasil: estratégias e instrumentos nos anos 2000 Cien Saude Colet 2010; 15(5):757-772. [ Links ]

    33. Brasil. Portaria GM/MS n. 2751, de 11 de novembro de 2009. Diário Oficial da União 2009; 12 nov. [ Links ]