SciELO - Scientific Electronic Library Online

SciELO - Scientific Electronic Library Online

Article References

CARRENO, Ioná; BONILHA, Ana Lúcia de Lourenzi  and  COSTA, Juvenal Soares Dias da. Perfil epidemiológico das mortes maternas ocorridas no Rio Grande do Sul, Brasil: 2004-2007. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2012, vol.15, n.2, pp. 396-406. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2012000200017.

    1. Rosenfield A, Min CJ, Freedman LP. Making motherhood safe in developing countries. New Engl J Med 2007; 356 :1395-7. [ Links ]

    2. World Health Organization (WHO). Trends in Maternal Mortality: 1990 to 2008. Estimates developed by WHO, UNICEF, UNFPA and The World Bank; Switzerland: World Health Organization; 2010. [ Links ]

    3. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise de Situação de Saúde. Guia de Vigilância Epidemiológica do Óbito Materno. Brasília: Ministério da Saúde; 2009. [ Links ]

    4. González R. Salud materno-infantil em las Américas. Rev Chil Obstet Ginecol 2010; 75(6): 411-21. [ Links ]

    5. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Banco de Dados dos Sistemas de Informação sobre Mortalidade (SIM): 1998 a 2004. Brasília: Ministério da Saúde; 2010. [ Links ]

    6. Laurenti R, Mello-Jorge MHP, Gotlieb SLD. A mortalidade materna nas capitais brasileiras: algumas características e estimativas de um fator de ajuste. Rev Bras Epidemiol 2004; 7(4): 449-60. [ Links ]

    7. Barros FC, Matijasevich A, Requeio JH, Giugliani E, Maranhão EG, Monteiro CA et al. Recent Trends in Maternal, Newborn, and Child Health in Brazil: Progress Toward Millennium Development Goals 4 and 5. Am J Public Health 2010; Published online ahead of print August 19: e1-e13. [ Links ]

    8. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher. Brasília: Ministério da Saúde; 2004. [ Links ]

    9. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Área Técnica de Saúde da Mulher. Manual dos Comitês de Mortalidade Materna. (3 ed.) Brasília: Ministério da Saúde; 2007. [ Links ]

    10. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Banco de Dados dos Sistemas de Informação de Nascidos Vivos (SINASC): 1998 a 2004. Brasília: Ministério da Saúde; 2010. [ Links ]

    11. Rosenberg D. Trend Analysis and Interpretation. Key Concepts and Methods for Maternal and Child Health Professionals. Maryland: Division of Science, Education and Analysis Maternal and Child Health Information Resource Center; 1997. [ Links ]

    12. Altman DG. Practical Statistics for Medical Research. London: Chapman & Hall; 1997. [ Links ]

    13. Souza MH, Cecatti JG, Hardy EE, Serruya SJ. Morte materna declarada e o relacionamento de sistemas de informações em saúde. Rev Saúde Publica 2007; 41(2): 181-9. [ Links ]

    14. Laurenti R, Buchalla CM, Lolio CA, Santo AH, Mello Jorge MH. Mortalidade de mulheres em idade fértil no município de São Paulo (Brasil), 1986: II-Mortes por causas maternas. Rev Saúde Pública 1990; 24(6): 468-72. [ Links ]

    15. Soares VMN. Desigualdades na saúde reprodutiva das mulheres no Paraná. Rev Bras Epidemiol 2007; 10(3): 293-309. [ Links ]

    16. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Programa de Humanização no Pré-natal e Nascimento. Brasília: Ministério da Saúde; 2000. [ Links ]

    17. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas estratégicas. Pacto Nacional pela redução da mortalidade materna e neonatal. Brasília: Ministério da Saúde; 2004. [ Links ]

    18. Riquinho DL, Correia SG. Mortalidade materna: perfil sócio-demográfico e causal. Rev Bras Enfermagem 2006; 59(3): 303-7. [ Links ]

    19. Ramos JGL, Martins Costa S, Vettorazzi-Stuczynski J, Brietzke E. Morte materna em hospital terciário do Rio Grande do Sul - Brasil: um Estudo de 20 anos. Rev Bras Ginecol Obstet 2003; 25 (6): 431-6. [ Links ]

    20. Theme-Filha MM, Silva RI, Noronha C. Mortalidade materna no Município do Rio de Janeiro, 1993 a 1996. Cad Saúde Pública 1999; 15(2): 397-403. [ Links ]

    21. BRASIL. Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - Relatório Nacional de Acompanhamento. Brasília: IPEA; 2010. [ Links ]

    22. Laurenti R, Mello-Jorge MHP, Gotlieb SLD. Reflexões sobre a mensuração da mortalidade materna. Cad Saúde Pública 2000; 16(1): 23-30. [ Links ]

    23. Martins AL. Mortalidade materna em mulheres negras no Brasil. Cad Saúde Pública 2006; 22(11): 2473-9. [ Links ]

    24. Rosenstein MG., Romero M., Ramos S. Maternal mortality in Argentina: a closer look at woman who die outside of the health system. Matern Child Health J 2008; 12 (4): 519-24. [ Links ]