O VALOR DA INOVAÇÃO: CRIAR O FUTURO DO SISTEMA DE SAÚDE

O VALOR DA INOVAÇÃO: CRIAR O FUTURO DO SISTEMA DE SAÚDE. Dias, CC. Coimbra: Edições Almedina, 2015. 213 p

O VALOR DA INOVAÇÃO: CRIAR O FUTURO DO SISTEMA DE SAÚDE. Dias CC. Coimbra: Edições Almedina; 2015. 213 p. ISBN: 978-972-40-6166-5.

O Valor da Inovação: Criar o Futuro do Sistema de Saúde de Casimiro Cavaco Dias, economista da saúde da Organização Mundial da Saúde, analisa a inovação como forma do sistema de saúde assegurar melhorias de desempenho e a sua sustentabilidade. O tema é particularmente relevante no atual contexto de crise econômica e financeira em Portugal. Desse modo, pretende ser uma importante contribuição para o atual debate sobre o futuro e a sustentabilidade do sistema de saúde.

O sistema de saúde de hoje é o resultado de uma evolução gradual desde a sua criação. Contudo, os novos desafios e oportunidades para melhorar a saúde, de forma sustentável, requerem a consolidação desses ganhos em saúde, maior sensibilidade às expectativas da população portuguesa e a promoção de inovação orientada para a criação de valor em saúde. Apesar da perspectiva tradicional da inovação como o desenvolvimento de novos métodos de diagnóstico, medicamentos ou dispositivos médicos, torna-se necessário alargar o campo de inovação em saúde. A inovação deve ser utilizada para aproveitar oportunidades em áreas subdesenvolvidas como os comportamentos saudáveis e de utilização de serviços de saúde, os modelos de serviços de saúde, assim como a análise e a partilha de informação.

O livro é o resultado de um amplo estudo de investigação sobre o impacto da inovação no desempenho do sistema de saúde. A metodologia do estudo compreendeu três fases distintas. Primeiro, foram analisadas as respostas ao questionário de perguntas fechadas sobre inovação e flexibilidade a 95 membros do conselho de administração de 61 hospitais do setor hospitalar. Segundo, procedeu-se à análise de conteúdo das entrevistas a membros dos conselhos de administração de cinco hospitais considerados inovadores, com base nos resultados anteriores. Por último, foi realizado um painel de peritos, por meio de técnica de grupo nominal, para rever os resultados, assim como identificar e priorizar medidas de promoção de inovação. O estudo recebeu o Prêmio Dr. António Arnaut, considerado o “pai” do Serviço Nacional de Saúde de Portugal, para a Excelência em Investigação de Sistemas de Saúde em 2015.

Ao longo desse livro, são abordados os principais assuntos sobre a inovação em saúde, inclusive: os principais objetivos dos inovadores, os motores da inovação em saúde, a transformação de conhecimento em melhores resultados, as novas competências necessárias para inovar, o papel estratégico da flexibilidade organizacional, o impacto da inovação no desempenho e o seu valor e, por último, as medidas para tornar o sistema de saúde mais inovador. A discussão desses temas faz-se ao longo de 11 capítulos que procuram refletir o círculo virtuoso da transformação do sistema de saúde por meio da inovação. Essa transformação é central na capacitação do sistema de saúde para responder aos desafios de hoje e do futuro.

Com base na investigação desenvolvida, o livro reflete três mudanças centrais na forma de pensar e transformar os sistemas de saúde pela inovação:

  • Em primeiro lugar, reflete a mudança da perspectiva tradicional focada nos serviços de saúde para uma visão centrada na pessoa enquanto coprodutora de inovação em saúde.

  • Em segundo lugar, a inovação é analisada não como episódica, mas como um processo interativo e contínuo. Passa-se assim do foco das inovações tecnológicas “ plug-in ” para a combinação de diferentes tipos de inovações, tecnológicas, organizacionais e estratégicas, com maior impacto na transformação dos sistemas de saúde. O processo de inovação no setor da saúde é longo e sinuoso, marcado, sobretudo, pela transformação de informação em conhecimento por meio de ciclos contínuos de aprendizagem.

  • Por último, o livro revela as extensas interdependências no sistema de saúde no desenvolvimento de inovações. De fato, nenhuma organização é capaz de inovar só por si. Assim, à medida que as redes de cooperação se estendem e se reforçam entre hospitais, centros de saúde, cuidados continuados, setor privado e outros setores da economia portuguesa, surgem novos ecossistemas de inovação, cada vez mais dinâmicos e eficientes.

O Valor da Inovação: Criar o Futuro do Sistema de Saúde nos proporciona não apenas uma perspectiva sistêmica da inovação, mas também o ponto de partida para uma compreensão dinâmica do sistema de saúde. Por um lado, o estudo revela o processo de cuidados de saúde como o trajeto das pessoas pelas organizações de saúde enquanto uma verdadeira “cadeia de valor”. Por outro lado, essa cadeia da inovação em saúde assume-se como um processo circular em que o valor acrescentado em cada fase é continuamente revisto como resposta à capacidade de desenvolver cuidados de saúde mais efetivos.

Essa compreensão dinâmica da inovação é dirigida aos profissionais de saúde, às universidades, à indústria tecnológica, aos políticos e ao cidadão em geral, para o atual debate sobre o desempenho e a sustentabilidade do sistema de saúde. Inspirado pelos inovadores que estão já a criar o futuro da saúde, esse livro é um apelo à democratização da inovação para assegurar mais saúde, maior coesão social e o relançamento da economia.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    04 Mar 2016
Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br