Informação e tecnologia: desafios para a implantação da rede nacional de informações em saúde

 

Information and technology: challenges to the implementation of the national information network on health

 

Information et technologie: défis à l'implantation du réseau national d'information sur le secteur de santé

 

 

Maria Alice F. Branco

Psicóloga; sanitarista; pesquisadora associada e doutoranda do Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IMSfUERJ)

 

 


RESUMO

O artigo discute a produção de informação do ponto de vista gerencial e tecnológico, considerando alguns aspectos do processo de reforma do setor saúde. São abordadas questões referentes à introdução de inovações tecnoJógicas na área da saúde, estrutura organizacional e capacitação de recursos humanos. Descreve-se o projeto de implantação da Rede Nacional de Informações em Saúde (RNIS), discutindo-se, nas conclusões, os desafios e perspectivas colocados para a implementação da RNIS no que se refere a aspectos políticos, organizacionais e financeiros.

Palavras-chave: Informação em saúde; tecnologia em saúde; Rede Nacional de Informações em Saúde (RNIS).


ABSTRACT

The article discusses the production of information on management and technology, reviewing some aspects of the health sector reform processo It studies some issues related to the introduction of technological innovation in the health sector, to the organizational structure and to human resources training. The implementation of the Nationallnformation Network on Health (RNIS) project is described here and, in the conclusions, the chalienges and perspectives resulting from the implementation of RNIS and their impact on political, organizational and financial issues are analyzed.

Keywords: Health information; health information technology; Health National Network of Information (RNIS).


RÉSUMÉ

L' article traite de Ia production des informations du point de vue gérence et technologie, en considérant quelques aspects du processus de réforme du secteur de Ia santé. On aborde les questions sur l'introduction d'innovations technologiques dans le secteur de Ia santé, dans Ia structure d'organisation et Ia formation des ressources humaines. Le projet de Ia mise en ceuvre du Réseau National des lnformations de Ia Santé (RNIS) est décrit et, dans les conclusions, on discute des défis et perspectives placées pour Ia mise en ceuvre de RNIS, en ce qui concerne les aspects politiques, d'organisation et de finances.

Mots-clés: Informations de Ia santé; technologie des informations de Ia santé; Réseau National des Informations de Ia Santé (RNIS).


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

Referências Bibliográficas

BATLEY, R. Co-operation with Private and Community Organisation. The Institutional Framework of Urban Management. Working Paper n. 6, Birmingham: School of Public Policy, University of Birmingham, 1992.         

BENNET, S. Promotion the Private Sector: a Review of Developing Country Trends. Health Policy and Planning, v. 7, n. 2, p. 97-110, 1992.         

BRANCO, M.A. F. Sistema de Informação em Saúde em Âmbito Local e Organização de Interesses Sociais - Estudo de Caso no Município do Rio de Janeiro. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Instituto de Medicina SociallUniversidade do Estado do Rio de Janeiro (IMSIUERJ), 1995. 120p.         

BRASIL. Ministério da Ciência e Tecnologia. Proposta de Plano Setorial de Informática em Saúde. Relatório da Comissão Especial de Informática em Saúde. Brasília: Secretaria Especial de Informática, 1988. 88 p.         

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria na 820/GM, de 25 de junho de 1997. Publicada no D.O.U. na 120, Seção 2, de 26 de junho de 1997. Revoga a Portaria n° 2.390, de II de dezembro de 1996 (publicada no D.O.U. de 12 de dezembro de 1996), 1997d.         

___. Portaria na 821/GM, de 25 ;te junho de 1997. Publicada no D.O.U. n o 120, Seção 2, de 26 de junho de 1997, 1997 c.         

___. REFORSUS: reforço à reorganização do SUS: Manual de Operação/Componente I. Brasília, Secretaria de Assistência à SaúdelUnidade de Gerência do Projeto REFORSUS, 1997a. 32 p.         

___. REFORSUS: reforço à reorganização do SUS: Manual de Operação/Componente lI. Brasília: Secretaria de Assistência à SaúdelUnidade de Gerência do Projeto REFORSUS, 1997b. 32 p.         

CARVALHO, D. Sistemas de Informação e alocação de recursos: um estudo sobre as possibilidades de uso das grandes bases de dados nacionais para uma alocação orientada de recursos. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Instituto de Medicina SociallUniversidade do Estado do Rio de Janeiro (IMSIUERJ), 1998. 199p.         

COLLINS, c.; HUNTER, D.J. & GREEN, A. The Market and HeaIth Sector Reform. Journal of Management in Medicine, v. 8, n. 2, p. 42-55, 1994.         

EUROPEAN COMISSION. TELMED - The Impact of Telematics on the Healthcare Sector in Europe. Final Report. Elaborado por Tavistock Institute, European Center for Work and Society e Fondazione per Ia Ricerca suBa Migrazione e sul1a Integrazione della Technologie. EU Commission Directorate DG XIII, November. Disponível em http://www.ehto.be/ht projects/telmed2, 1996.         

GREEN, A. The Role of Non-govemmental Organisations and the Private Sector in the Provision of Health Care in Developing Countries. International Journal of Health Planning and Management, v. 2, p. 37-58, 1987.         

HOOD, C. A Public Management for All Seasons. Public Administration, v. 69, p.3-19, 1991.         

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Anais do Encontro Nacional de Produtores e Usuários de Informações Sociais, Econômicas e Territoriais - Informação para uma Sociedade mais Justa, Rio de Janeiro, 1996.         

NEAME, R. & BOELEN, C. Information Management for Improving Relevance and Efficiency in the Health Sector: a Framework for the Development of Health Information Systems. Genebra, World Health Organization, 1995. 35 p.         

ORGANIZACIÓN PANAMERICANA DE LA SALUD (OPS). Acciones Integradas en los Sistemas Locales de Salud: análisis conceptual y apreciación de programas seleccionados en América Latina. Cuademo Técnico n. 31. Washington, D.e., 1990.         

___. Sistemas de Información y Tecnología de Información en Salud: Desafíos y Soluciones para América Latina y el Caribe. Programa de Sistemas de Información sobre Servicios de Salud. División de Desarrollo de Sistemas y Servicios de Salud. Washington, D.e., 1998.         

REDE NACIONAL DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE (RNIS). Convocatória para a Captação dos Projetos dos Estados para a Rede Nacional de Informações em Saúde (RNIS). Documento disponível em: http://www.datasus.gov.br/mis/convoc.htm. 1996.         

___. Seminário Técnico da RNIS. Documento disponível em: http://www. datasus.gov.br/mis/convoc.htm, 1998.         

STEWART, J. & WALSH, K. Change in the Management of Public Services. Public Administration, v. 70, p. 499-518, 1992.         

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). Forum on Health Sector Reform. Discussion Paper 4. Genebra: WHO, 1995 (mimeo).         

YIN, R.K. Applications of Case Study Research. Newbury Park, Sage Publications, 1993, 131 p., (Applied Social Research Methods Series, 34).         

 

 

Recebido em 4/11/98.
Aprovado em 26/11/98.

PHYSIS - Revista de Saúde Coletiva Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: publicacoes@ims.uerj.br