Cadernos de Saúde Pública, Volume: 23 Supplement 3, Published: 2007
  • Twenty-five years of the AIDS epidemic in Brazil: principal epidemiological findings, 1980-2005 Review

    Fonseca, Maria Goretti P.; Bastos, Francisco I.

    Abstract in Portuguese:

    A epidemia de AIDS no Brasil vem experimentando na sua terceira década importantes mudanças. O presente artigo revê alguns achados centrais: a redução proporcional dos casos devido ao uso de drogas injetáveis, a estabilidade, em anos recentes, quanto aos casos novos referentes à categoria de exposição homo/bissexual masculina e o incremento, relativo e absoluto, da transmissão heterossexual, ainda que estimativas das taxas de incidência sigam apontando as duas primeiras categorias como aquelas mais afetadas pela epidemia. Destaca-se, ainda, o persistente aumento das taxas de incidência entre as mulheres e sua estabilidade nas faixas etárias mais jovens, provavelmente, em decorrência de mudanças comportamentais (como o uso consistente de preservativos nas relações sexuais com parceiros eventuais entre os mais jovens e a redução dos casos devido ao uso de drogas injetáveis). É notória a estabilidade da prevalência do HIV abaixo de 1% na população geral, o que define o Brasil como um dos países com uma epidemia concentrada. O artigo destaca ainda o crescimento da morbi-mortalidade por AIDS nas populações sócio-economicamente menos favorecidas e entre as mulheres, e a estabilidade da mortalidade por AIDS entre os homens.

    Abstract in English:

    The Brazilian AIDS epidemic is undergoing important changes in its third decade. The present article reviews some central findings: the proportional reduction in cases related to injection drug use; the stability, in recent years, of new cases in the male homosexual/bisexual population; and the relative and absolute increment in heterosexual transmission, even though the estimates of incident rates still point to the first two categories mentioned as those most affected by the epidemic. Still should be detached the persistent increase in incidence rates among women and its stability in the younger age groups, probably the result of behavior changes (such as the consistent use among youth of condoms in sexual relations with casual partners and a reduction in cases related to injection drug use). It is well-know that HIV prevalence in the general population has stabilized at less than 1%, which characterizes Brazil as one of the countries with a concentrated epidemic. The article also emphasizes the growth of AIDS morbidity-mortality in the less favored socioeconomic strata and in women, and the stability of the mortality rate among men.
  • The first ten years: achievements and challenges of the Brazilian program of universal access to HIV/AIDS comprehensive management and care, 1996-2006 Review

    Hacker, Mariana A.; Kaida, Angela; Hogg, Robert S.; Bastos, Francisco I.

    Abstract in Portuguese:

    Procedeu-se a uma revisão abrangente de artigos publicados entre 1996-2006, período posterior à introdução da terapia anti-retroviral de alta potência (HAART) no Brasil. Foram revisados artigos disponíveis nas bases de dados MEDLINE e SciELO, a partir de combinações de palavras-chave que contemplam os principais temas na área do tratamento e manejo da AIDS na era pós-HAART: doenças oportunistas e co-infecções, aderência à terapia, sobrevida pré e pós-HAART, eventos adversos e efeitos colaterais, emergência e eventual transmissão de cepas virais resistentes e complicações cardiovasculares e metabólicas, além de questões relativas ao acesso e à eqüidade. Em suma, observa-se uma transformação profunda no campo da AIDS no período pós-HAART, com aumento dramático da sobrevida e da qualidade de vida, e redução expressiva dos episódios de doenças oportunistas. Por outro lado, novas questões se colocam, como a relevância das co-infecções de evolução lenta, como a hepatite C, os distúrbios metabólicos e cardiovasculares, e o desafio posto pela emergência de cepas resistentes, com repercussões individuais (falha virológica) e coletivas (resistência primária e secundária em nível da comunidade) e, conseqüente, aumento de custos da terapia.

    Abstract in English:

    A review was carried out of papers published between 1996 and 2006, documenting the introduction of highly active anti-retroviral therapy (HAART) in Brazil. Papers indexed in the MEDLINE and SciELO databases were retrieved using different combinations of keywords related to the management and care of AIDS in the post-HAART era: opportunistic diseases and co-infections, adherence to therapy, survival in the pre- and post-HAART eras, adverse events and side-effects, emergence and possible transmission of resistant viral strains, metabolic and cardiovascular disorders, and issues related to access to care and equity. The review documents the dramatic changes in HIV/AIDS disease progression in the post-HAART era, including an increase in survival and quality of life and a pronounced decrease in the episodes of opportunistic diseases. Notwithstanding such major achievements, new challenges have emerged, including slow evolving co-infections (such as hepatitis C, metabolic and cardiovascular disorders), the emergence of viral resistance, with consequences at the individual level (virological failure) and the community level (primary/secondary resistance at the population level), and impacts on the cost of new therapeutic regimens.
Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br