Cadernos de Saúde Pública, Volume: 24 Supplement 1, Published: 2008
  • Organization of primary health care in cities belonging to project for expansion and consolidation of the family health strategy in Mato Grosso State, Brazil Artigo

    Melo, Elza Machado de; Paiva, Lúcia; Álvares, Juliana; Flecha, André Luiz Dumont

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho engloba parte dos resultados do Estudo de Linhas de Base, Projeto de Consolidação e Expansão do Saúde da Família (PROESF). Seu objetivo é avaliar a Atenção Básica dos municípios de Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis, Estado de Mato Grosso, Brasil, o que será feito segundo as relações de intersubjetividade que lhes são próprias - entre os profissionais de saúde, entre estes e os usuários, entre os cidadãos em geral e dentro das instâncias institucionalizadas de controle social. É um estudo quali-quantitativo, composto de entrevistas com informantes-chave, miniconvenções com gerentes, grupos focais com gerentes, entrevistas com usuários e profissionais das unidades de saúde selecionadas. Foram atribuídos escores para os quesitos indicativos de processos participativos e para as funções da Atenção Básica. Constatou-se, apesar da identidade geopolítica dos municípios e do acesso deles às mesmas políticas públicas, diferença significativa quanto ao desempenho das funções relativas à organização da Atenção Básica e do Programa Saúde da Família: porta de entrada, longitudinalidade, integralidade e coordenação. Constataram-se ainda diferenças referentes ao tipo de relações estabelecidas, participativas ou não, em correspondência com a diferença anterior.

    Abstract in English:

    This article presents part of the results from the Baseline Study on the PROESF. The objective was to evaluate primary health care in the cities of Cuiabá, Várzea Grande, and Rondonópolis, Mato Grosso State, Brazil, based on the inter-subjectivity in human relations (among health workers, users of health services, and the public at large and within institutionalized levels of social control). A qualitative and quantitative methodology was used, including interviews with key informants; short meetings with managers; focal groups with managers; and interviews with users and health professionals from pre-selected health units. Scores were assigned to all the questions that indicated participatory processes in primary care practices in the various municipalities. Despite the geopolitical identity among the municipalities and their similar access to the same public policies, there was a significant difference in their performance of the functions pertaining to the organization of primary care and the Family Health Program, in terms of portal of entry into the system, longitudinality, comprehensiveness, and coordination. Differences were observed in the type of relations that were established (participatory versus non-participatory), corresponding to the previous difference.
  • Organization of traditional Primary Health Care and the Family Health Program in large cities in Rio de Janeiro State, Brazil Artigo

    Machado, Cristiani Vieira; Lima, Luciana Dias de; Viana, Ludmilla da Silva

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa a configuração da Atenção Básica e do Programa Saúde da Família (PSF) nos 22 municípios com mais de 100 mil habitantes do Rio de Janeiro em 2005. A metodologia compreendeu visitas aos municípios, entrevistas com dirigentes da saúde e análise de bases de dados nacionais. Foram definidas quatro variáveis-síntese para a caracterização da Atenção Básica nos municípios: modelo de Atenção Básica e inserção do PSF; institucionalização do PSF; organização da Atenção Básica e organização do PSF. A classificação dos municípios nas quatro variáveis revelou uma grande diversidade de situações, predominando o modelo paralelo de configuração da Atenção Básica e inserção do PSF. Observou-se que os municípios em melhores condições de estruturação da Atenção Básica são pólos do interior do estado, que possuem PSF implantado há mais de seis anos e várias modalidades de organização da Atenção Básica. A maioria dos municípios do grupo em pior situação se situa na região metropolitana. À luz dos resultados, são discutidos os desafios do PSF como estratégia estruturante da Atenção Básica em saúde em municípios de grande porte populacional, particularmente nas regiões metropolitanas.

    Abstract in English:

    This article analyzes the organization of traditional Primary Health Care and the Family Health Program (FHP) in the 22 municipalities of Rio de Janeiro State, Brazil, with more than 100,000 inhabitants each in 2005. The methodology included visits to the municipalities, interviews with health managers, and analysis of national databases. Four summary variables were defined: the Primary Health Care model and inclusion of the FHP; institutionalization of the FHP; organization of traditional primary care; and organization of the FHP. Classification of the municipalities according to the four variables showed widely diverse situations and the predominance of a parallel model for inclusion of the FHP. The municipalities with the best structural conditions for primary care are located in the interior of the State, besides those that have had the FHP implemented for more than six years and that practice various modalities of Primary Health Care organization. The majority of the municipalities with the worst situation in relation to the FHP are located in Greater Metropolitan Rio de Janeiro. In light of the results, the article discusses the challenges facing the FHP as a strategy for structuring primary health care in large cities, particularly in metropolitan areas.
  • Political, institutional, and organizational evaluation of primary health care with an emphasis on comprehensiveness Artigo

    Camargo Jr, Kenneth Rochel de; Campos, Estela Márcia Saraiva; Bustamante-Teixeira, Maria Teresa; Mascarenhas, Mônica Tereza Machado; Mauad, Neuza Marina; Franco, Túlio Batista; Ribeiro, Luiz Cláudio; Alves, Mário José Martins

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta parte dos dados de uma avaliação da Atenção Básica, implementada como parte de uma pesquisa com financiamento do Ministério da Saúde durante o ano de 2005. Trinta e um municípios, dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, Brasil, formaram a amostra do estudo. Dados coletados com base em métodos qualitativos (entrevistas e análise de documentos) foram sintetizados com a produção de um conjunto de variáveis categoriais. A distribuição dos diversos valores assumidos pelas variáveis nos diferentes municípios são apresentadas. Essas variáveis foram submetidas à análise de correspondência, que mostrou sua validade interna. Adicionalmente, observações sobre aspectos relevantes do campo são apresentados. Em conclusão, a avaliação mostra avanços da estratégia de saúde na família, com importantes contribuições do Projeto de Expansão e Consolidação do Saúde da Família, embora obstáculos consideráveis ainda permaneçam, em particular no que diz respeito à força de trabalho das estratégias de saúde na família e na utilização local das informações produzidas.

    Abstract in English:

    This article presents part of the data from an evaluation of primary care, implemented as part of research funded by the Brazilian Ministry of Health in 2005. Thirty-one municipalities from the States of Minas Gerais and Espírito Santo comprised the study sample. Data collected with qualitative methods (interviews and documents) were summarized, with the production of a set of categorical variables. The article presents the distribution of values for the variables by municipality. The variables were submitted to correspondence analysis, which showed their internal validity. The article also provides observations on relevant aspects of the field. In conclusion, the evaluation demonstrates advances in the Family Health Strategy in Brazil, with important contributions to the Project for Expansion and Consolidation of the Family Health Strategy, despite persistent obstacles, particularly related to human resources in the family health strategies and local use of the data produced.
  • An assessment of the Family Health Program in municipalities of Northeast Brazil: old and new challenges Artigo

    Rocha, Paulo de Medeiros; Uchoa, Alice da Costa; Rocha, Nadja de Sá Pinto Dantas; Souza, Elizabethe Cristina Fagundes de; Rocha, Marconi de Lima; Pinheiro, Themis Xavier de Albuquerque

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta parte dos resultados referentes à pesquisa avaliativa Estudos de Linha de Base, desenvolvida em 21 municípios com mais de 100 mil habitantes em três estados do Nordeste do Brasil. O objetivo geral foi avaliar experiências de implementação do Programa Saúde da Família (PSF), com foco nas induções do PROESF. Foi realizada Análise de Implantação utilizando-se como método o estudo de caso. Na análise utilizaram-se as dimensões: político-institucional, organização da atenção e cuidado integral. Como avanços destacam-se: priorização do PSF em áreas de risco; aprendizado institucional, qualificação dos gestores e equipes; centrais de regulação, vínculo e percepção positiva sobre PSF. Em relação aos desafios observaram-se: fortalecimento da capacidade formuladora local, alocação dos recursos na Atenção Básica, desprecarização do trabalho, efetivação de rede de atenção, fortalecimento da participação social, qualificação do monitoramento e avaliação para tomada de decisão; acolhimento; filas para exames, consultas e internação; implementação do trabalho em equipe e atividades promocionais e intersetoriais.

    Abstract in English:

    This article presents part of the results from the Baseline Studies, an evaluative research conducted in 21 municipalities with more than 100,000 inhabitants each, in three States of Northeast Brazil. The overall objective was to assess experiences in the implementation of the Family Health Program (FHP), with a focus on inductions in the PROESF. An implementation analysis was performed, using the case study method. The analysis focused on these dimensions: political-institutional, health organization, and comprehensive care. Outstanding advances included: prioritize the FHP in high-risk areas; institutional learning, with qualification of managers and teams; definition of institutional levels for regulating the FHP; and health team-user bonds and positive perceptions concerning the program. Challenges included: strengthening of local policy and decision-making capacity; allocation of primary care resources; greater employment security for human resources; effective implementation of the health care network; strengthening of social participation; upgrading of monitoring and evaluation for decision-making; receptivity; waiting lines for tests, appointments, and hospital admissions; implementation of teamwork; health promotion and inter-sector activities.
  • Primary health care and urban dynamics in large cities in São Paulo State, Brazil Artigo

    Viana, Ana Luiza d'Ávila; Rocha, Juan S. Yazlle; Elias, Paulo Eduardo; Ibañez, Nelson; Bousquat, Aylene

    Abstract in Portuguese:

    Os Estudos de Linha de Base do Projeto de Expansão e Consolidação do Saúde da Família construíram indicadores e modelos de atenção básica para os 62 municípios paulistas com mais de 100 mil habitantes, e apontaram uma diversidade de comportamento destes indicadores e modelos em relação às diferentes dinâmicas urbanas do estado. Nesse sentido, houve a necessidade de realizar uma reflexão sobre saúde e uso urbano do território. O principal objetivo desta reflexão foi compreender melhor sobre como a dinâmica urbana tem influência no perfil, na organização e no funcionamento do sistema de saúde. A partir daí, foi possível extrair algumas hipóteses e discussões sobre como a urbanização paulista impõe desafios à expansão e consolidação da atenção básica e do Programa Saúde da Família nos municípios estudados.

    Abstract in English:

    The Baseline Studies on the Project for Expansion and Consolidation of the Family Health Strategy created primary health care indicators and models for the 62 municipalities with more than 100,000 inhabitants in São Paulo State, Brazil, and identified varying patterns for these indicators and models in relation to different urban dynamics in the State. The studies showed the need to reflect on health in relation to urban land use. The main objective was to gain a better understanding of how urban dynamics influence the health system's profile, organization, and operation, based on which it was possible to extract some hypotheses and discussions regarding how urbanization in São Paulo State creates challenges for the expansion and consolidation of primary health care and the Family Health Program in these municipalities.
  • "It sure ain't easy!": an ethnographic study of primary health care for patients with hypertension and/or diabetes in Manaus, Amazonas State, Brazil Artigo

    Souza, Maximiliano Loiola Ponte de; Garnelo, Luíza

    Abstract in Portuguese:

    O texto analisa os resultados de pesquisa avaliativa da Atenção Básica à Saúde do paciente com hipertensão e/ou diabetes em Manaus, Amazonas, Brasil. A abordagem etnográfica utilizou, como categorias analíticas centrais, o acesso aos serviços e a integralidade do cuidado, comparando-se as práticas sanitárias desenvolvidas em unidade do Programa Saúde da Família (PSF) e em unidade básica de saúde não-PSF. A facilitação do acesso à unidade de saúde da família implantada em comunidade carente é limitada pela precariedade de infra-estrutura urbana do seu entorno. A unidade básica de saúde tem, nas grandes distâncias, a sua principal barreira de acesso. A inexistência de sistema de referência entre os distintos níveis de complexidade compromete o acesso dos pacientes a exames e especialistas. O cuidado oferecido nas duas unidades é restrito às queixas físicas passíveis de abordagem farmacológica, comprometendo a integralidade. Há baixa capacidade de escuta dos profissionais para problemas distintos do foco da ação programática. Destacam-se as potencialidades da utilização da etnografia na pesquisa avaliativa de sistemas e serviços de saúde.

    Abstract in English:

    This paper analyzes the results of an evaluative study in the city of Manaus, Amazonas State, Brazil, on primary health care for patients with hypertension and/or diabetes. The ethnographic approach used access to services and comprehensiveness of health care as core analytical categories, comparing the health practices developed by Family Health Program (FHP) units with traditional non-FHP primary care units. Access to family health care units in low-income communities is limited by the precarious surrounding urban infrastructure. The main barrier to access to primary care units is distance. The lack of a referral system between the various levels of complexity jeopardizes patients' access to tests and specialists. The care supplied by the two units is limited to patient conditions that can be treated pharmacologically, thus compromising the comprehensiveness of care. The health professionals display a limited capacity to hear problems outside the immediate focus of the program activity. The paper highlights the potential for using ethnography in evaluative research on health systems and services.
  • Primary health care access and receptivity to users: an analysis of perceptions by users and health professionals Artigo

    Souza, Elizabethe Cristina Fagundes de; Vilar, Rosana Lúcia Alves de; Rocha, Nadja de Sá Pinto Dantas; Uchoa, Alice da Costa; Rocha, Paulo de Medeiros

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo é parte da pesquisa avaliativa do Projeto de Expansão e Consolidação da Estratégia Saúde da Família, desenvolvida pelo Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte entre março e dezembro de 2005. Trata-se de avaliação de acesso e acolhimento na atenção básica, a partir de percepções de usuários e profissionais de saúde de unidades básicas de saúde e unidades de saúde da família, em três capitais do Nordeste brasileiro. Foi utilizada técnica de grupo focal com análise temática. Nos resultados, identificou-se ampliação do acesso, com desproporções entre oferta potencial, atendimento à demanda e dificuldades de referência. O acolhimento como tecnologia operacional é um processo em construção, variando nas unidades de saúde da família em níveis de concepção e estratégias de reorganização cotidiana do trabalho, e inexistente nas unidades básicas de saúde. A partir da realização deste estudo, recomenda-se incluir análises qualitativas em avaliação em saúde, por possibilitar maior valor explicativo aos aspectos subjetivos dos atores envolvidos.

    Abstract in English:

    This article is part of the evaluation study on the Project for Expansion and Consolidation of the Family Health Strategy, conducted by the Center for Public Health Research at the Federal University in Rio Grande do Norte, Brazil, from March to December 2005. The study presents an assessment of primary health care access and receptivity from the perspective of patients and health professionals, comparing traditional primary care units and family health units in three State capitals in Northeast Brazil. The methodology included focus groups with content analysis. The results identified increased access, but there is still a disproportion between potential supply, capacity to meet the demand, and difficulties with referral in both the family health units and traditional primary care units. As an operational technology, receptivity is still under construction in the family health units, with varying levels of adherence to both the concept and the strategies for reorganizing daily work practices. Meanwhile, receptivity is totally absent from the traditional primary care units. The study suggests that qualitative analyses be included in health assessment in order to better explain the subjective aspects of the various actors.
  • Cervical cancer as a tracer condition: a proposal for evaluation of primary health care Artigo

    Bottari, Clarissa Moraes de Sousa; Vasconcellos, Miguel Murat; Mendonça, Maria Helena Magalhães de

    Abstract in Portuguese:

    O uso de condições marcadoras/traçadoras como técnica avaliativa sugere a possibilidade de inferência da qualidade da atenção à saúde e definição de focos avaliativos das ações programáticas. A Atenção Básica, enquanto estratégia governamental, constitui importante elemento de reorganização do modelo assistencial. Este estudo objetiva refletir sobre o uso da condição marcadora "câncer cérvico-uterino" como mecanismo de avaliação da Atenção Básica. Com base nos resultados obtidos pelas questões relativas às ações voltadas para o controle da doença, da percepção de profissionais de saúde e de usuárias portadoras da patologia, construiu-se uma matriz de indicadores relacionando atributos da Atenção Básica e indicadores de processo/resultado. O plano de análise utilizado para validar os resultados fez uso da triangulação de métodos, associando dados provenientes das abordagens qualitativa e quantitativa, além de combinar e cruzar diversos pontos de vista apreendidos dos atores envolvidos. Os resultados encontrados sugerem o câncer de colo uterino como condição marcadora da Atenção Básica por excelência, a partir da similaridade de conceitos como acessibilidade, cobertura, integralidade, qualidade técnico-científica e efetividade.

    Abstract in English:

    The use of tracer conditions as an evaluative technique suggests the possibility of inferring the quality of health care and setting evaluation standards for programmed actions. As a government strategy, primary health care is a key element for reorganization of the Brazilian health care model. This study analyzes the use of cervical cancer as a tracer condition for assessing primary care. Based on the results from questions on measures to control the disease from the perspective of health professionals and cervical cancer patients, we constructed a matrix of indicators relating primary care attributes to process/results indicators. The analytical plan to validate the results used triangulation of methods, associating data from qualitative and quantitative approaches, in addition to combining and cross-analyzing the various actors' points of view. The results suggest that cervical cancer is an excellent tracer condition for primary care in general, based on the similarity of such concepts as accessibility, coverage, comprehensiveness, technical and scientific quality, and effectiveness.
  • Use of the family health record as a quality-of-care indicator in primary health care units Artigo

    Pereira, Ana Tereza da Silva; Noronha, José; Cordeiro, Hésio; Dain, Sulamis; Pereira, Telma Ruth; Cunha, Fátima Teresinha Scarparo; Costa Junior, Heleno

    Abstract in Portuguese:

    A expansão da estratégia do Programa Saúde da Família no Brasil torna necessária a construção de indicadores que avaliem a coerência da abordagem efetivamente realizada e os princípios que regem o programa. Associado ao prontuário familiar, o familiograma (genograma) possibilita melhoria no acompanhamento da saúde da clientela e na qualidade da atenção prestada. A pesquisa utiliza o prontuário familiar com base na avaliação externa (acreditação) das equipes de saúde da família e dos gestores. Os resultados mostram uma variação da conformidade do prontuário com o padrão de acreditação segundo a natureza da função avaliada. O estudo revela a importância da avaliação externa como sinalizadora do nível de conformidade aos padrões requeridos, sugerindo a necessidade de operar um indicador combinado entre a avaliação interna e externa das informações familiares como instrumento de gestão.

    Abstract in English:

    Expansion of the Family Health Program in Brazil requires indicators to evaluate the consistency of the approach actually adopted and the program's underlying principles. Together with the family health chart, the family health history (medical genealogy) allows improved follow-up of the clientele's health and the quality of care provided. This study used the family health chart based on external evaluation (accreditation) of family health teams and managers. The results showed variation in the health charts' conformity to the accreditation standard according to the nature of the function evaluated. The study showed the importance of external evaluation to signal the level of conformity to the required standards, suggesting the need to operate with a combined indicator, including internal and external evaluation of family health data as a management instrument.
  • Family development index: a comparative analysis in 21 municipalities in Rio de Janeiro State, Brazil Artigo

    Najar, Alberto Lopes; Baptista, Tatiana Wargas de Faria; Andrade, Carla Lourenço Tavares de

    Abstract in Portuguese:

    O artigo apresenta uma adaptação do índice de desenvolvimento da família, e detalha os resultados de sua aplicação em 21 municípios do Estado do Rio de Janeiro, Brasil no ano 2000. O estudo insere-se na pesquisa de linha de base do Projeto de Expansão e Consolidação do Saúde da Família, e foi proposto como um instrumento para acompanhamento e análise da realidade municipal no contexto de discussão de uma política pública que tem a família como eixo central. Os resultados mostram uma situação muito grave ou grave das famílias no Estado do Rio de Janeiro. As dimensões mais críticas são aquelas relativas às desigualdades de resultado, nos aspectos de disponibilidade de recursos e acesso ao mercado de trabalho; além de uma dimensão relativa à desigualdade de oportunidade, qual seja o acesso ao conhecimento. Os grupos mais vulneráveis são aqueles formados por famílias cujo chefe tem mais do que 65 anos de idade e por famílias cujos chefes são mulheres.

    Abstract in English:

    This article presents an adaptation of the family development index, with a detailed description of the results of its application in 21 municipalities in the State of Rio de Janeiro, Brazil, in 2000. The research is part of the Baseline Study on the Project for Expansion and Consolidation of the Family Health Strategy and was proposed as an instrument for monitoring and analyzing the municipal reality in the context of a family-centered public policy. The results show a serious-to-severe situation for families in the State of Rio de Janeiro. The most critical dimensions relate to inequalities in results, availability of resources, and labor market access, in addition to a key aspect involving inequality of opportunities, namely access to knowledge. The most vulnerable groups consist of families headed by individuals over 65 years of age and families headed by women.
  • Perceptions of primary health care among users and health professionals: a comparison of units with and without family health care in Central-West Brazil Artigo

    van Stralen, Cornelis Johannes; Belisário, Soraya Almeida; van Stralen, Terezinha Berenice de Sousa; Lima, Ângela Maria Dayrell de; Massote, Alice Werneck; Oliveira, Cláudia di Lorenzo

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo trata da percepção do desempenho de unidades básicas de saúde com e sem Saúde da Família em cidades com mais de 100 mil habitantes em Goiás e Mato Grosso do Sul. Foram aplicados os questionários do Primary Care Assessment Tool (PCAT) elaborado pela John Hopkins University e adaptado para o Brasil, que contempla oito dimensões de atenção básica, a uma amostra de 36 unidades básicas com Saúde da Família e 28 unidades tradicionais, onde foram entrevistados 302 profissionais de nível superior, 207 de nível médio, 490 usuários e 133 acompanhantes. Os dados não apresentaram diferenças significativas entre as unidades com e sem saúde da família, mas as percepções dos profissionais são sempre mais favoráveis em comparação às dos usuários. Analisando os dados por dimensão, observou-se que para todas as dimensões os "dados das unidades com saúde da família" são mais favoráveis com exceção da "dimensão do acesso". Entretanto, apenas para as dimensões de enfoque familiar e orientação comunitária a diferença entre a avaliação de unidades com e sem saúde da família é significativa para todas as três categorias.

    Abstract in English:

    This study analyzes perceptions of performance by primary health care facilities with and without the Family Health Program in municipalities with more than 100,000 inhabitants. Questionnaires from the Primary Care Assessment Tool developed by John Hopkins University and adapted to Brazil, contemplating eight dimensions of primary health care, were applied to users and professionals from a sample of 36 family health care facilities and 28 traditional primary care facilities. Thirty health professionals with university education, 207 with secondary education, 490 adult users, and 133 family members answered the questionnaires. The overall result did not show significant differences between perceptions of family health care facilities as compared to traditional primary health care facilities, but perceptions of health professionals were consistently more favorable than those of users. Comparing the scores for each dimension, family health care facilities always scored better (with the exception of level of access), but the difference in scores between facilities with and without the Family Health Strategy was only statistically significant for all three categories of respondents in relation to the items "family focus" and "community orientation".
  • Evaluation of the effectiveness of Primary Health Care in South and Northeast Brazil: methodological contributions Artigo

    Facchini, Luiz Augusto; Piccini, Roberto Xavier; Tomasi, Elaine; Thumé, Elaine; Teixeira, Vanessa Andina; Silveira, Denise Silva da; Maia, Maria de Fátima Santos; Siqueira, Fernando Vinholes; Rodrigues, Maria Aparecida; Paniz, Vera Vieira; Osório, Alessander

    Abstract in Portuguese:

    O artigo apresenta a metodologia de Estudo de Linha de Base (ELB), que avaliou a efetividade da Estratégia Saúde da Família em comparação às unidades básicas de saúde tradicionais. A base do estudo foi composta por 41 municípios acima de 100 mil habitantes, 21 da Região Sul e vinte do Nordeste. Principal variável dependente e pressuposto da base amostral do ELB, a efetividade das ações programáticas das unidades básicas de saúde foi examinada na população de sua área de abrangência, por meio de inquérito epidemiológico. O modelo de atenção das unidades básicas de saúde foi a principal variável independente. Seu efeito sobre as ações programáticas foi controlado por região geopolítica, região metropolitana e porte populacional dos municípios. A cobertura das ações foi caracterizada segundo aspectos sócio-econômicos, demográficos e de saúde. A utilização de grupos de comparação, amostras por múltiplos estágios, medidas padronizadas, controle de características geográficas e sócio-demográficas da população e critérios bem definidos para julgar os achados são contribuições da metodologia utilizada para o delineamento de futuros estudos de avaliação da Atenção Básica à Saúde.

    Abstract in English:

    The article presents the methodology used in the Baseline Study that evaluated the effectiveness of the Family Health Strategy as compared to traditional primary health care units. The study included 41 municipalities with more than 100 thousand inhabitants each, 21 from the South and 20 from the Northeast of Brazil. As the principal dependent variable and underlying premise for sampling in the Baseline Study, the effectiveness of program activities in the primary care units was analyzed in the population within the respective coverage areas, using an epidemiological survey. The health care model in the primary care units was the principal independent variable. Its effect on program activities was controlled according to geopolitical region, metropolitan area, and population size in the municipalities. Coverage of the activities was characterized according to socioeconomic, demographic, and health-related factors. The use of comparison groups, multiple-stage samples, standardized measures, adjustment for geographic and socio-demographic characteristics, and well-defined criteria for judging the findings are contributions by the methodology employed here for designing future studies to evaluate primary health care.
  • Health records: evaluation of patient health charts in primary care, Rio de Janeiro, Brazil Artigo

    Vasconcellos, Miguel Murat; Gribel, Else Bartholdy; Moraes, Ilara Hammerli Sozzi de

    Abstract in Portuguese:

    Com o objetivo de contribuir para a avaliação da Atenção Básica, desenvolveu-se estudo que tem por referência a qualidade de prontuários dos pacientes, considerando os registros dos atendimentos realizados em quatro municípios acima de 100 mil habitantes no Estado do Rio de Janeiro, Brasil, em 2004, esta pesquisa se trata de estudo transversal com base em dados primários, levantados por verificação direta no prontuário. Os atendimentos foram sorteados em amostra probabilística por conglomerado em dois estágios: estabelecimentos de atenção básica e atendimentos/prontuários. Verificou-se a completitude de atributos relativos à identificação dos usuários atendidos, em todos os prontuários, e a características do processo de atendimento (como peso, pressão arterial, colpocitologia e glicemia) nos prontuários de mulheres acima de 19 anos, hipertensas e diabéticas. Na identificação dos usuários, encontrou-se baixa presença dos atributos sociais e somente metade dos prontuários possuía registro da data de abertura. Os registros de características do processo de atendimento em mulheres, hipertensas e diabéticas, ficaram longe das proposições do Ministério da Saúde. A análise da completitude sugere discutível qualidade na continuidade do cuidado oferecido, dificuldades para a prática gerencial na Atenção Básica e para implementação da Estratégia Saúde da Família.

    Abstract in English:

    With the purpose of contributing to the evaluation of primary care, a study was conducted based on the quality of patients' health charts, considering the records for care provided in 4 municipalities with more than 100 thousand inhabitants each in the State of Rio de Janeiro, Brazil, in 2004. This was a cross-sectional study based on primary data collected from direct consultation of patient charts. A two-stage, probabilistic cluster sample was selected from primary care facilities and consultations/patient charts. We checked the completeness of attributes pertaining to the identification of users receiving care and the characteristics of the care itself (weight, blood pressure, Pap tests, and blood glucose) on the charts of women over 19 years of age with hypertension and/or diabetes. User identification showed a low presence of social attributes, and only half of the charts had recorded the opening date. Records of process characteristics in care provided to women with hypertension and diabetes failed to conform to Brazilian Ministry of Health guidelines. Analysis of completeness suggests dubious quality in the continuity of the care provided and difficulties in management practice for primary care and implementation of the Family Health Strategy.
  • Training local teams as a strategy to institutionalize evaluation in the health system Artigo

    Scochi, Maria José; Marcon, Sonia Silva; Oliveira, Magda Lúcia Félix de; Waidman, Maria Angélica Pagliarini; Gonçalves, Maria Bernadete; Nishiyama, Paula; Silva, Regina Lúcia Dalla Torre; Carvalho, Wladithe Organ de

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo relata a trajetória metodológica utilizada pela equipe de pesquisa da Universidade Estadual de Maringá no Estudo de Linha de Base, em vinte municípios com mais de 100 mil habitantes dos Estados do Paraná e Santa Catarina, Brasil na implantação do Projeto de Expansão e Consolidação do Saúde da Família (PROESF). Foram realizadas oficinas para a discussão de estudos de avaliação de programas, construção e aplicação de instrumentos de pesquisa, visitas técnicas aos municípios para supervisão das atividades de dispersão e construção de um banco de dados com a produção científica locorregional. Foi possível verificar responsabilidade e compromisso dos representantes municipais e estaduais, visto que a maior parte respondeu prontamente às atividades acordadas, além de interesse no aprendizado e na institucionalização da avaliação. Quatorze municípios incorporaram outros atores para a constituição de rede de apoio para a avaliação da atenção básica, e as estratégias contribuíram para que a avaliação fosse incorporada ao planejamento, indicando que a capacitação pode ser estruturante e potencializadora do processo de institucionalização da avaliação.

    Abstract in English:

    This article reports on the methodology used by the research team of the State University in Maringá in the Baseline Study in 20 municipalities in the States of Paraná and Santa Catarina, Brazil, with more than 100,000 inhabitants each, in the implementation of the Project for Expansion and Consolidation of the Family Health Strategy. Workshops to discuss the evaluation of programs, construction and application of research instruments, site visits to supervise activities in disseminating the program, and development of a database with the local and regional scientific output were carried out. There was an obvious sense of responsibility and commitment on the part of municipal and State representatives, the majority of whom immediately agreed to the activities. They also showed interest in both the learning process and institutionalization of the evaluation. Fourteen municipalities incorporated other actors to build a support network for the evaluation of the primary health care system. The strategies contributed to the incorporation of evaluation into the planning process, indicating that training can be a constructive and powerful mechanism for institutionalizing evaluation.
  • Epidemiological and socio-demographic profile of primary care workers in the South and Northeast of Brazil Artigo

    Tomasi, Elaine; Facchini, Luiz Augusto; Piccini, Roberto Xavier; Thumé, Elaine; Silveira, Denise Silva da; Siqueira, Fernando Vinholes; Rodrigues, Maria Aparecida; Paniz, Vera Vieira; Teixeira, Vanessa Andina

    Abstract in Portuguese:

    Com o objetivo de descrever o perfil das equipes de saúde da atenção básica em 41 municípios com mais de 100 mil habitantes, um total de 4.749 trabalhadores de saúde de dois estados do Sul (1.730) e cinco do Nordeste (3.019) do Brasil foram incluídos a partir de amostra das unidades básicas de saúde tradicionais e do Programa Saúde da Família (PSF). Após consentimento, os trabalhadores responderam a um instrumento auto-aplicado com informações demográficas, sobre o trabalho e a sua situação de saúde. As principais diferenças entre os modelos de atenção foram na constituição das equipes, com o PSF apresentando mais agentes comunitários de saúde, mais mulheres, trabalhadores mais jovens, menor ingresso por concurso, mais trabalhadores com um único emprego, maior precarização nos vínculos trabalhistas, menor satisfação com este vínculo, menor antiguidade no trabalho, maior carga horária, maior especialização na área e melhor remuneração. Pior avaliação de sua saúde e maior proporção de consultas médicas foram igualmente registradas para o PSF. São necessários esforços no âmbito da gestão para apoiar esses trabalhadores, que são a base do sistema de saúde e, protagonistas do seu desenvolvimento e da consolidação da atenção básica.

    Abstract in English:

    In order to describe the profile of primary health care teams in 41 municipalities with more than 100 thousand inhabitants each, a total of 4,749 health workers in two States from the South (1,730) and five from the Northeast (3,019) of Brazil were included from a sample of traditional primary care units and the Family Health Program (FHP). After providing informed consent, the health workers answered a self-applied questionnaire with demographic, work-related, and their own health-related data. The principal differences between the two models involved the structuring of the teams, with the FHP including more community health agents, more women, more young workers, fewer hired on the basis of formal admissions exams, more with a single job, more precarious employment arrangements, less employment satisfaction, less time on the job, larger workloads, greater specialization in the area, and better pay. The FHP also showed worse self-perceived health and more medical appointments. Management efforts are needed to support these workers, who form the basis of the health system and are key protagonists in the development and consolidation of primary care.
Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br